Afrânio Pessoa

Afrânio Pessoa Castelo Branco nasceu em Teresina, Piauí, em 1930. Na década de 50, foi para o Rio onde se formou na Escola de Belas Artes da Universidade Federal. Sempre figurativa, começou usando como tema a imagem do ex-voto. Já em 1960, participou e foi premiado no Salão Nacional de Belas Artes. Optou por voltar ao Nordeste, residindo em Teresina até hoje e manteve-se sempre ligado às raízes populares como base imagética para sua pintura. Tem obras nos acervos da Bienal de São Paulo, Museu Nacional de Belas Artes/Rio, Museu de Arte Moderna da Bahia e Museu de Arte do Piauí além de seu trabalho representado em coleções particulares em todo o País e também no exterior. Num texto de 1974, José Roberto Teixeira Leite assegurava que sua pintura era “alegre, mas com certa nota de melancolia, lírica, mas não destruída de sarcasmo…”

Técnica: Técnica mista sobre tela

Dimensões: 120×150 cm

Ref: 127

 


 

Navegação